Após reunião com secretário, vereadores aprovam projeto para contratação de médicos

 

 

A falta de médicos em determinados posto de saúde de São Sepé fez com que a prefeitura tomasse duas medidas: o encaminhamento de um projeto de lei prevendo a contratação de dois médicos clínicos gerais, em regime de 20 horas, e a ida do secretário de saúde Marcelo Ellwanger até a Câmara, para sensibilizar os vereadores da aprovação da matéria que entrou em caráter de urgência, na sessão plenária de terça-feira, 16, e foi aprovada por unanimidade.

 

De acordo com Marcelo, desde março o município está sem atendimento médico nos postos de saúde dos bairros Tastch, Vila Block e na unidade  móvel que atende os ESFs do interior. "Uma médica passou na residência, a cubana foi embora e tivemos o trágico acidente com o médico Daniel que está de licença, tivemos três baixas em seis meses", destacou o secretário, que falou também quanto a sobrecarga de pacientes no posto de saúde do centro, em razão destes citados acima estarem sem atendimento médico. "Os postos estão lotados e fica difícil atender toda a demanda", justificou ele. Para o presidente da Câmara, existe a necessidade de sanar este problema com a contratação dos novos médicos. "É assim que trabalhamos, buscando um entendimento com a prefeitura para melhorar a vida da comunidade", afirmou o presidente do legislativo, Janir Machado. 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.